Não podemos dizer que a cerveja de trigo é melhor cerveja, porque, convenhamos, gosto é algo muito particular. Não se discute. Mas, podemos sem dúvida afirmar que é uma experiência que vale a pena para todo cervejeiro.

As Cervejas de Trigo são feitas com trigo – claro – e cevada, mas é possível encontrar uma imensa variedade de aromas secundários. Não são tão amargas quanto as outras, tem alta carbonação e você encontra se dificuldades aromas como:

  • banana,
  • cravo,
  • malte torrado,
  • chocolate,
  • coentro,
  • noz moscada
  • raspas de laranja.

Com este mix de aromas disponíveis, você deve se perguntar, combina com o quê? Pois é. Combina com muita coisa, ou harmoniza bem com muitos pratos, se preferir. No entanto, carne vermelha não é um dos tipos que dá certo facilmente não. É preciso gostar desta mistura, para tomar.

Cerveja de trigo combina com o quê?

Cerveja de trigo é perfeita para harmonizar com peixes e frutos do mar, principalmente. Mas você vai ver lá no final do post, alguns tipos de cerveja de trigo que podem ser encontradas sem dificuldade. E cada uma com suas respectivas combinações. Porém, você pode ver por esta lista que ‘casa com muita coisa’, não é?

  • Queijo mussarela
  • Queijo brie.
  • Saladas
  • Frango
  • Pernil
  • Massas
  • Banana caramelada
  • Ovos e bacon – não no café da manhã, ok?
  • Comidas mexicanas e apimentadas
  • Comida japonesa
  • Frutos do mar
  • Peixes

Talvez seja hora de seguir aquela sugestão de churrasco vegetariano, quem sabe.

Entendendo a cerveja de trigo e suas variações.

É uma cerveja mais leve, com um discreto toque de lúpulo. O lúpulo não é o principal aqui, o destaque é a levedura. Com cerca de 50% de malte de trigo, e uma levedura nem sempre filtrada, há garrafas que trazem no fundo resquícios do fermento, dando um toque especial ao ser servida.

Servir esta cerveja requer um treino à parte. Cada estilo pede um copo, e normalmente é longo. Assim, vira-se a garrafa toda no copo. Mas, com isso, se cria um colarinho perfeito, mantido pelo fermento do fundo, com uma espessa espuma por mais tempo.

Quando ouvir alguém falar que prefere dunkel, ou weisse, e usar nomes confusos como  Weiss, Bier Weizen e Hefe – se referindo a bebida, tenha calma. A gente explica um pouco disto para você.

Toda Weizenbier é uma cerveja de trigo, ou deveria ser. Isto porque Weizenbier significa exatamente “cerveja de trigo” em alemão.

E uma cerveja que tenha Weiss no nome, teoricamente, deveria ser mais clara, porque em alemão Weiss significa clareza, ou brancura.

Já a palavra Bier é bem fácil, não? Lembra a versão em inglês, beer. Ok, Bier em alemão pode ser traduzido como Cerveja. Mas estamos nos referindo de modo geral a Ale, se pedir apenas uma ‘bier’ em um pub alemão.

A palavra Bier no nome age mais como um sobrenome para a cerveja. Só o Weize é Trigo, tipo cereal mesmo. Por isto, Weize-n-bier é ‘cerveja de trigo’. Legal, não é?

Já as brejas com Hefe no nome, costumam trazer no fundo um pouco de Levedura. Hefe é Levedura ou fermento, e dá para ler até como fermento biológico, sabe?

Tipos de cerveja de trigo

Witbier

Uma Witbier tem um toque levemente bem-humorado, em partes por causa da casca de laranja – um cítrico suave e adocicado – misturado com a semente de coentro.

Berliner Weisse

A Berliner Weisse só vale ter este nome se ela for de Berlim. Berliner é traduzível também como berlinense, ou “de Berlim”. E tem em geral uma coloração mais clara, muito embora possam ser achadas verdadeiramente coloridas. É porque elas podem ser feitas com trigo, e frutas. Mas, em sua maioria podemos dizer que Berliner Weisse são mais carbonadas, e mais acidas, sem perder a refrescância, ou a leveza.

Hefeweizen

Uma Hefeweizen pode ser considerada uma cerveja de trigo tipicamente alemã. Ela não é clara como as outras, por ter mais ‘hefe’ em sua composição.
Na verdade, ela traz a turvidade do fermento no fundo da garrafa. Uma coisa característica aqui é a nota de banana e cravo.

Dunkelweizen

Dunkel é escuro em alemão. Assim, uma dunkelweizen é uma cerveja de trigo escura. Você vai sentir aromas que lembram a casca do pão, cravo, banana e caramelo, ou até chocolate. Dá para dizer que ela é uma hefeweizen mais escura, e voltada para uma cor mais caramelizada.

Weizenbock clara ou escura

Aqui você tem a versão bock da cerveja de trigo. Esta bock é de alta fermentação, e tem muito mais álcool que as outras. Na versão escura é possível sentir bem presente o aroma banana e frutas escuras, assim como o cravo.

Nossa sugestão de 4 cervejas de trigo para você experimentar

Não seguimos nenhuma ordem, a não ser o gosto pessoal mesmo. Mas você deve escolher a sua, então, prove sem medo, e não se preocupe. Você pode tomar a de trigo sem abandonar a puro malte, elas não precisam ter ciúmes entre si. 😉

 

Witbier

Cerveja Hoegaarden Wit 330 ml

Uma belga de trigo, sementes de coentro e casca de laranja. É frutada e tem uma boa formação de espuma.

Ficam mais bem servidas num copo tipo Tumbler.

Perfeito para acompanhar:

Peixes e frutos do mar,

Teor alcoólico 4,9%

 

 

Hefeweizen

Cerveja Brahma Extra Weiss 355ml

Lembra da turvidade que falamos antes? A Brahma Extra Weiss tem. É clara e opaca. Com um sabor frutado, lembrando o aroma de banana, cravo e maçã. É levemente acida, com espumação macia e cremosa.

Ficam mais bem servidas num copo tipo Weizen

Perfeita para acompanhar:

Queijo de minas, ovos com bacon, aves, peixes e saladas.

Teor alcoólico: 5,0%

 

Honey Wheat Ale (sim, é uma Ale que tem mel!)

Cerveja Colorado Appia 600ml.

Cevada, malte de trigo, mel de laranjeiras. É encorpada, doce e refrescante. Tem espuma densa.

Fica mais bem servida em copo tipo Caldereta

Perfeita para acompanhar:

Queijo brie, pernil e massas leves, frango, queijo brie, mussarela e saladas.

Teor alcoólico: 5,5%

 

Hefeweizen

Cerveja Bohemia 14-Weiss 300ml

Tem aroma frutado de cravo e banana, com um leve toque cítrico. A coloração amarelo dourada não esconde a levedura no final.

Ficam melhores se servidas em copo tipo Weizen.

Perfeita para acompanhar:

Saladas, banana caramelada, peixes e comida japonesa ou comida mexicana – apimentada.

Teor alcoólico: 4,3%

 

Tem alguma de sua preferência? Conta pra gente nos comentários!